quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Londrina - Avenida São Paulo - História


Avenida São Paulo em duas épocas

Essas duas fotos mostram praticamente o mesmo local, o trecho inicial da Avenida São Paulo, entre as Ruas Benjamim Constant e Sergipe.
Avenida São Paulo, ao lado da Praça Rocha Pombo, em 1942
Sessenta e oito anos separam as duas cenas. A foto acima retrata o início da pavimentação do trecho, em paralelepípedos, iniciada no segundo semestre de 1942. À direita da foto, pode-se ver a Praça Rocha Pombo, ainda não urbanizada e, mais abaixo, destaca-se o teto da primeira estação ferroviária, demolida três anos depois para a construção da nova estação, o atual Museu Histórico de Londrina.
Avenida São Paulo, no mesmo local, em 2010
A segunda foto, tirada em 2010, retrata o mesmo trecho de rua quase setenta anos depois. O Museu Histórico pode ser visto logo abaixo da Rua Benjamim Constant. Até onde a vista alcança, não há nenhum resquício da densa floresta que cobria a região, e o trânsito de carros e ônibus domina totalmente a paisagem.

A nota interessante das fotos, no entanto, é a quantidade de árvores margeando a rua. De fato, na década de 40, quase todas as árvores nativas existentes na área central da cidade foram erradicadas.

Pode-se notar algumas árvores replantadas ao longo da avenida. Era um caso quase isolado: somente em 1949 a prefeitura tomou a decisão de criar um viveiro de mudas e replantar mais árvores nas ruas. Hoje, a cidade tem muitas vezes mais árvores nas ruas do que tinha há 60 anos atrás.


Nenhum comentário:

SEJAM BEM VINDOS!

"A todos que passarem por essa página, desejo que Deus os abençoem e que traga a todos um raio de esperança e fé.