sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Heian Nidan Fotos - Mestre Guichin Funakoshi



Heian Nidan

2 comentários:

Marilu disse...

Querido amigo, existem situações que é muito difícil aceitar o "livre arbitrio", será que podemos realmente escolher o caminho? As vezes tenho dúvidas...Beijocas

DINEI FAVERSANI disse...

Amiga Marilu, creio que pelo menos um relativo livre arbítrio temos, mas concordo com você, há momentos em nossas vidas que precisaria uma força sobrenatural para optar de forma diferente, pois, as nossas atitudes de outras vidas nos condicionam a tomar decisões, que a princípio não tomaríamos se não tivéssemos atrelados a tais situações, e como se tivéssemos um número tal de destinos, e o nosso livre arbítrios estivesse condicionado a esses destinos pré-traçados. Mas o assunto é polêmico. Beijos no coração.

SEJAM BEM VINDOS!

"A todos que passarem por essa página, desejo que Deus os abençoem e que traga a todos um raio de esperança e fé.